Spaghetti com molho de tomate picante e manjericão | Scarface

Aproveitando que voltamos a falar de filmes nada levinhos, como o do post anterior, chegou a hora de mais um filme de máfia, e certamente um dos melhores do gênero, com um dos meus atores preferidos: Al Pacino. Dirigido por Brian de Palma em 1983, Scarface completou 30 anos em 2013, e é um clássico-cult absoluto. Embora na época de seu lançamento tenha recebido críticas negativas, hoje é inegável o retrato verídico que traça do mundo das drogas.

Com roteiro de Oliver Stone, conhecemos a história do refugiado cubano Tony Montana em Miami, de onde recomeça a vida do zero e se converte em um dos maiores traficantes de cocaína do país. Passando por cima de tudo e de todos para se tornar rico – e conseguir um green card – Montana se afunda nas drogas, literalmente.

Ele começa tentando tirar o império do cartel das mãos de Frank Lopez – incluindo sua bela esposa, Elvira Hancock (Michelle Pfeiffer supernovinha). Quando enfim chega ao topo, o poder sobe à cabeça de Tony e ele toma atitudes que provocam a ira de inúmeros rivais, tornando-o um alvo iminente de vingança.

Esse é considerado um dos filmes mais violentos da década de 80, cuja linguagem forte chamou a atenção de alguns países, proibindo sua exibição. Não é por menos: a palavra fuck é repetida 226 vezes – tendo sido superada apenas recentemente, no filme O Lobo de Wall Street, de Martin Scorsese.

Mas mais do que apenas um filme violento e explosivo, Scarface virou referência cultural. A história foi transformada em quadrinhos e jogos de videogame (se bem que hoje em dia isso é relativo, porque tudo vira videogame), e alguns diálogos continuam sendo repetidos à exaustão. Al Pacino, como o melhor papel gângster de sua vida, está impecável. Raivoso, machista, sem papas na língua e extremista, levando todas as suas ações às máximas consequências.

Não vou dizer muito àqueles que nunca viram o filme, mas a cena mais famosa de todo o longa acontece nos momentos finais, quando um exército de homens armados (não são exatamente o exército, ok?) invade a casa de Tony e ele faz uma resistência épica à invasão. É tão exagerado que é quase um filme B (sem nunca chegar a sê-lo de fato, porque as atuações, a direção e todo o resto compõem uma obra-prima).

E, como é de praxe quando falo de filmes de máfia, o prato que acompanha o post de hoje é uma massa. Mas não qualquer massa: o molho foi escolhido a dedo. Perigosamente picante, assim como Tony Montana, com tomate em pedaço, cebola, cebolinha, salsinha, manjericão… enfim, tudo que eu tinha direito!

SPAGHETTI COM MOLHO DE TOMATE PICANTE E MANJERICÃO

para 01 pessoa
Tempo de preparo: 15 minutos

Tempo de fervura do macarrão: 10-12 minutos
Tempo total: mais ou menos 30 minutos

Ingredientes

250g de spaghetti normal
meia cebola
1 dente de alho
1 tomate
1/3 de molho de tomate já pronto
páprica picante e chili em pó (a gosto)
molho de pimenta (a gosto)
sal
2 talos de manjericão
1 talo de salsinha
3 talos de cebolinha

Modo de fazer

Encha uma panela grande com ¾ de água, e leve ao fogo alto até ferver. Enquanto isso, pique a cebola, o alho, o tomate e lave os verdes. Deixe tudo preparado na tábua de cortar.

Leve ao fogo com um fio de azeite primeiro a cebola, depois o alho, depois o tomate. Refogue bem até o tomate ficar macio. Acrescente o molho de tomate e deixe ferver. Acrescente a páprica picante, o chili em pó e o molho de pimenta e misture enquanto ferve. Acrescente a salsinha, a cebolinha e um dos talos de manjericão, ferva um pouco mais e tampe.

A esse ponto, a água deve ter fervido. Jogue o macarrão lá dentro e siga as instruções da caixa para ver o ponto – eu geralmente não olho, e vou provando até perceber que está al dente, ou seja, cozido mas um pouco durinho. Odeio macarrão mole.

Quando o macarrão estiver pronto, escorra-o e jogue-o dentro da panela, misturando bem o molho com a massa. Sirva e decore com o resto do manjericão. Coma imediatamente.

Beijos, e até o próximo post!
🙂

Receita via Spicy Southern Kitchen

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s