Bolo de morango com chocolate sem leite | Cinema Paradiso

No Brasil, o diretor italiano Giuseppe Tornatore é conhecido por ter feito um único filme, do qual falarei aqui hoje. Embora tenha feito muitos outros – como Malena e o mais recente, O Melhor Lance (não assisti a nenhum) – foi mesmo com a história do cineasta Salvatore Di Vita e o Cinema Paradiso que ganhou os espectadores. Logo no início do filme, acompanhamos o já adulto Salvatore retornando à vila siciliana na qual cresceu, após saber da morte de um velho amigo.

Contada em flashbacks, a história remonta à infância de Salvatore na pequena vila, na qual a grande atração era o Cinema Paradiso, comandado pelo projecionista Alfredo. Encantado com as técnicas de projeção, Salvatore se aproxima de Alfredo, que o toma como seu ajudante.

Assim, o pequeno Salvatore passa a acompanhar todos os filmes que entram em cartaz no cinema, sob a tutela paternal de Alfredo, que lhe ensina tudo que sabe sobre a arte de fazer películas como as que eram exibidas ali. Há diálogos incríveis, trilha sonora maravilhosa de Ennio Morricone e uma das cenas mais míticas do Cinema mundial: aquela da montagem com as cenas de beijo mais famosas da história cinematográfica.

Ver as discussões do velho e do novo sobre filmes é, no mínimo, divertido. Pois o longa tem justamente essa intenção: a de dar a visão particular de Tornatore sobre as mudanças no Cinema e a substituição de velhas técnicas por mais modernas. Além, é claro, de explorar a ideia de um menino seguir seu sonho de deixar a provinciana vila onde vive para desbravar o mundo. E assim foi.

Salvatore deixou a cidadezinha e só retornou quando soube da morte do amigo Alfredo. É um filme extremamente tocante, ainda que leve, divertido, alegre e triste ao mesmo tempo. Porque existem filmes assim, desses que te comovem em todos os sentidos e de todas as maneiras possíveis. Mas é, acima de tudo, uma homenagem à Sétima Arte.

Estive pensando muito com qual comida deveria combinar essa obra-prima, e decidi que deveria ser algo doce e incrivelmente refrescante ao mesmo tempo. Que fosse doce e leve, como o filme. Por isso optei pelo bolo de chocolate com morangos que, além de ser delicioso pela combinação (morangos + chocolate = poderia me alimentar assim o resto da vida), fica molhadinho.

Para preservar ainda mais os morangos e a própria textura do bolo, guardá-lo na geladeira é a melhor opção. Modifiquei a receita que fiz para esse bolo de laranja e chocolate sem leite e troquei a laranja pelos morangos. Claro que tive de fazer algumas adaptações. Primeiro, não coloquei tantos morangos na massa quanto havia raspas de laranja.

Segundo, o recheio era só calda de morangos com açúcar, ao invés de creme de chocolate com laranja. Por fim, a cobertura também não tinha suco de morango, pois achei que a mistura poderia não dar certo. Então fiz a cobertura só de chocolate, mesmo. Meu mais novo favorito! Como vocês podem ver, galera nem conseguiu esperar eu tirar foto… hahaha.

BOLO DE MORANGO COM CHOCOLATE SEM LEITE

Tempo de preparo: 30 minutos
Tempo de cocção: 15-20 minutos
Tempo da calda: 10 minutos
Tempo de esfriamento: 1h

Tempo total: 2h15

Ingredientes 

Bolo:
1 ½ (275 ml) xícaras de óleo vegetal
4 ovos grandes
2 ¼ xícaras de açúcar
2/3 xícaras de cacau em pó (usei o do Padre)
2 colheres (chá) de fermento em pó
1 colher (chá) de sal
5 morangos bem picadinhos

Recheio:
1 caixa de morangos (exceto os 5 para o bolo)
2 colheres (sopa), cheias, de açúcar
1 colher (sopa) de manteiga
suco de 1 laranja
1 colher (sopa) de maisena

Cobertura:
70g de chocolate meio amargo (usei uma barra desse e mais uns pedaços desse)
1 xícara de manteiga
1/3 xícara de açúcar

Modo de preparo 

Pré-aqueça o forno a 180º e separe a assadeira que quer usar – usei uma redonda média. Peneire os ingredientes secos em uma tigela e reserve. Lave, tire o talo verde e pique bem todos os morangos, e reserve. Na batedeira, em velocidade baixa, bata o óleo e os ovos até misturar bem. Aos poucos, vá jogando os ingredientes secos enquanto bate, para ir incorporando. Por último, jogue os pedacinhos dos 5 morangos e mexa só até incorporar.

Separe metade da massa na assadeira untada somente com manteiga e leve ao forno por 15-20 minutos (depende muito do forno, o meu foi rapidíssimo). Tire do forno e deixe esfriando por meia hora. Depois, retire a massa da assadeira (no meu caso, tive de lavar para reutilizar pois só tenho uma desse tamanho) e reserve. Repita o mesmo procedimento com o restante da massa.

Enquanto o último pedaço de bolo esfria, faça o recheio: antes de mais nada, esprema a laranja em um copo e misture a maisena, mexendo bem, até dissolver inteira. Em uma panela grande, jogue todos os morangos com o açúcar e a manteiga e mexa até começar a soltar água. Quando isso acontecer, acrescente o suco e mexa vigorosamente até encorpar (dica: conte até sessenta para ter certeza de tirar o gosto de maisena).

Espalhe o recheio em uma das partes do bolo e cubra com a outra. Para a cobertura: pique o chocolate e, em um pote, leve-o a banho-maria (lembrando que a travessa do chocolate não pode encostar na água!) e, quando estiver quase todo derretido, retire do fogo e mexa até derreter o restante.

Em uma tigelinha, bata a manteiga e o açúcar com um fouet até ficar claro e fofo. Misture o chocolate até ficar homogêneo.  Espalhe bem sobre o bolo com a ajuda de uma espátula. Se quiser, reserve um ou dois morangos para decorar. Se quiser, pode servir, mas eu aconselho guardar na geladeira para comer fresquinho.

Nesse calor, só uma coisa geladinha mesmo para aguentar!

Beijos, e até o próximo post!
🙂

Receita adaptada do Notes from My Food Diary

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s