Iogurte com frutas | O Fabuloso Destino de Amélie Poulain

Um dos poucos filmes que me lembro de assistir no cinema quando tinha 15 anos foi O Fabuloso Destino de Amélie Poulain. Meu repertório cinematográfico se resumia a três ou quatro coisas diferentes, e muitos filmes da Disney. Esse longa francês, dirigido por Jean-Pierre Jeunet, tem uma linguagem diferente do que eu tinha visto até então. Era romântico, doce, sutil e ao mesmo tempo descarado, divertido e mais adulto.

Confesso que desvalorizei o filme durante muito tempo. Eu era nova e ficava aborrecida quando coisas que gostava viravam modinha – que, para mim, é um argumento tolo, infantil e egoísta. Resolvi dar uma segunda chance ao filme muitos anos depois, e redescobri tudo aquilo que havia me fascinado da primeira vez.

Amélie (Audrey Tatou) é uma garota meiga e sonhadora mas, com a perda da mãe e criada por um pai frio, se tornou tímida e antissocial. Por isso, suas ideias de amor e beleza são daquelas fora do comum, e tudo que ela vê parece mais fantástico do que realmente é.

Trabalhando de garçonete em um café no bairro boêmio de Montmartre (o Deux Moulins, que está aberto aos turistas), em Paris, ela encontra um “tesouro” pertencente ao antigo morador de seu novo apartamento. Enquanto se dedica a devolver a relíquia ao dono e ajudar as pessoas ao seu redor – desde o pai, obcecado com gnomos de jardim, até um homem hipocondríaco que perseguia as ex-namoradas – Amélie percebe que falta algo em sua vida.

O resto, leitores, é história. E uma história linda, comovente e delicada. Não é coisa para mulherzinha, não. É daqueles filmes que agradam a gregos e troianos! Por isso, decidi que a receita seria algo nesse estilo também. Não, não é o famoso crème brûlée que aparece no filme. Muito manjado!

É uma mistura super simples de iogurte com frutas, que fica bonito de ver e delicioso de devorar. Perfeito para o café da manhã e mais do que perfeito para acompanhar a trajetória da doce Amélie entre um suspiro e outro (com as colheradas, é claro!). Sem contar que acho os mirtilos (ou blueberries) a cara da França! Tirei a ideia de um livro que comprei em Madrid e já se tornou um favorito, Cocina para Estudiantes. Muito útil pra quem mora sozinho.

IOGURTE COM FRUTAS

para 01 pessoa
Tempo de preparo: 10 minutos

Ingredientes

1 pote + 1 colher (cheia, de sobremesa) de iogurte grego
1 banana
3 morangos
Punhados de mirtilo (não contei, mesmo, gente…)
Mel a gosto

Modo de preparo

Separe um copo alto (pode ser taça de sorvete também) e comece cortando a banana e o morango em um pratinho à parte. Coloque uma ou duas colheradas de iogurte no fundo do copo e cubra a primeira camada com mirtilos até não ter mais espaço.

Depois, acrescente rodelas de banana e, por cima, pedacinhos de morango. Adoce com um pouco de mel e repita o processo inteiro: uma camada de iogurte e uma camada de cada fruta, adoçando com mel, até o copo ficar cheio. Como o meu pote de iogurte terminou antes, abri outro potinho e usei uma colher cheia de sobremesa para completar.

Por cima, decorei com mais pedacinhos de frutas – uma rodela de banana, três mirtilos e um pedaço de morango – e mais mel. O resto das frutas que sobraram, taquei dentro do pote de iogurte aberto e mandei ver (hehehe).

Facílimo, não? Quero saber as opiniões: façam e me contem!

Beijos, e até o próximo post!
🙂

Anúncios

3 comentários sobre “Iogurte com frutas | O Fabuloso Destino de Amélie Poulain

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s